16/07/2021 às 17:54, Atualizado em 16/07/2021 às 18:29

Feira Livre comemora 8º aniversário de implantação com show musical

Atualmente, há 60 feirantes cadastrados, que ajudam a movimentar a economia de Sidrolândia

Cb image default
Foto: Mauro Silva

A Prefeitura de Sidrolândia, juntamente com a Secretaria de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente (Sederma), neste sábado (17), realizará a comemoração do aniversário de 8 anos da Feira Livre, localizada na rua Distrito Federal, entre a rua Amazonas e João Márcio Ferreira Terra, com música ao vivo, a partir das 19 horas, com o cantor Jean Dias.

Implantada em 2013, a feira acontece aos sábados, com início às 14 horas, finalizando às 21 horas. No geral, conforme dados da Sederma, há 60 feirantes cadastrados, que ajudam a movimentar a economia local, proporcionando renda aos agricultores familiares e produtos de qualidade para a população urbana. 

O secretário da Sederma, Antônio Galdino, entende a importância das feiras livres no município, tanto para o comércio, bem como para os produtores que desenvolvem essa atividade e que colocam, em média, 70% dos alimentos nas mesas dos brasileiros.

Além dos alimentos oriundos da agricultura familiar, a feira também possui a praça de alimentação com uma variedade de cardápios: bolos, açaí, pães, pastéis, espetinhos, comida japonesa, caldo de cana (famosa guarapa), entre outros.

O feirante Benedito Francisco Rodrigues, morador do assentamento Santa Terezinha, é um dos pioneiros da feira. Em entrevista, ele garantiu que a feira é muito mais do que a sua fonte de renda. Para ele, a feira também é um lazer.  “Antes dela começar eu já fazia feira no mercadão municipal, é a nossa fonte de renda, produzimos no sítio com carinho e dedicação e levamos para vender lá. Além disso, a feira é um lazer onde nós podemos ver nossos amigos, interagir com os outros feirantes sobre produção, eu acho muito interessante”, declarou.

A feirante Rosangela de Aguiar, moradora do assentamento PA Santa Lúcia, compartilha do mesmo sentimento de Benedito. “É divertido e muito bom estar lá, eu gosto muito. Estou há 3 anos vendendo mandioca, abobrinha, quiabo, maxixe, tomate cereja”, disse.