18/05/2017 às 16:03, Atualizado em 18/05/2017 às 16:17

18 de maio: Prefeitura realiza ações para o combate ao abuso e exploração de crianças e adolescentes

Cb image default
Divulgação

Esta data é lembrada em todo país através de ações para conscientização do combate ao abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes. Em Sidrolândia, a Prefeitura, através da Secretaria de Assistência Social, realizou, nesta manhã, panfletagem em dois pontos da cidade, Praça Central e em frente à rodoviária. A equipe da secretaria distribuiu material educativo e conversou com motoristas sobre a importância da campanha. O prefeito Dr. Marcelo Ascoli participou da ação juntamente com assistentes sociais, o presidente da Câmara Jean Nazareth, o secretário de Assistência Social, Paulo Atílio Pereira, a primeira-dama Ana Lídia Ascoli, conselheiros tutelares, corpo de bombeiros , além de voluntários e membros de conselhos dos direitos das crianças e adolescentes.

Cb image default
Palestras nas ecolas

A campanha também foi levada para as escolas municipais através de palestras educativas para os alunos, professores e servidores da educação.

Sobre a campanha

A proposta do “18 DE MAIO” é destacar a data para mobilizar, sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar da luta em defesa dos direitos sexuais de crianças e adolescentes. É preciso garantir a toda criança e adolescente o direito ao desenvolvimento de sua sexualidade de forma segura e protegida, livres do abuso e da exploração sexual.

A data 18 de maio

No dia 18 de maio de 1973, uma menina de 8 anos foi sequestrada, violentada e cruelmente assassinada no Espirito Santo. Seu corpo apareceu seis dias depois carbonizado e os seus agressores, jovens de classe média alta, nunca foram punidos. A data ficou instituída como o “Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes” a partir da aprovação da Lei Federal nº. 9.970/2000. O “Caso Araceli”, como ficou conhecido, ocorreu há quase 40 anos, mas, infelizmente, situações absurdas como essa ainda se repetem.

Disque denúncia

O Disque 100 funciona diariamente de 8h às 22h, inclusive aos finais de semana e feriados. As denúncias são anônimas e podem ser feitas de todo o Brasil por meio de discagem direta e gratuita para o número 100; e do exterior pelo número telefônico pago 55 61 3212-8400 ou pelo endereço eletrônico: disquedenuncia@sedh.gov.br.

Em caso de violação dos Direitos das Crianças e Adolescentes disque 100, ou entre em contato com o Conselho Tutelar, CRAS ou CREAS do Município de Sidrolândia."