05/05/2017 às 13:34, Atualizado em 03/06/2017 às 15:10

Professores recebem da administração direitos deixados de pagar no ano passado

Cb image default
Prefeito autorizou pagamentos das rescisões deixadas do ano passado. 

Uma dívida de mais de R$ 105 mil reais de 2016 referente a verbas rescisórias de servidores da educação foi paga no dia 29 de abril, mesmo dia do pagamento da folha dos servidores.

Os 70 (setenta) servidores que tiveram esse direito foram exonerados entre julho e dezembro do ano passado, mas que não receberam o 13º e as férias proporcionais ao tempo de serviço trabalhado da gestão anterior. O novo estatuto do magistério garante aos contratados da educação (conforme prevê o artigo 118) o direito ao abono e a indenização de férias.

Alguns servidores aguardavam desde julho do ano passado o recebimento de seus direitos trabalhados. O prefeito Dr. Marcelo Ascoli recebeu alguns destes servidores e lhes garantiu o pagamento dos direitos sem que precisassem procurar a justiça e colocar em precatório, o que demoraria muito tempo para o recebimento.

“É uma classe que merece todo o respeito da administração. É um direito deles receber a verba rescisória. Todo trabalhador conta com esse dinheiro e se programa para investir no seu lar, na família ou pagar dívidas. Mesmo que a dívida não seja da nossa gestão, temos o compromisso e reconhecemos o direito desses servidores”, explicou o prefeito.

Muitos professores já não contavam mais com o recebimento desse dinheiro. Para alguns, o valor ultrapassava de R$ 2.500,00 reais.